5º FESTIVAL MIDRASH DE TEATRO

O TEMPO É SÓ UMA QUESTÃO DE COR

01 e 02 de julho
segunda e terça | 19h

 

Textos de Caio Fernando Abreu
Direção e dramaturgia de Antonio Gilberto

Com Mauricio Silveira


01 e 02 de julho | segunda e terça | 19h | R$ 40 (inteira) / R$ 20 (meia)

Duração: 70 minutos
Classificação Indicativa: 12 anos

 

01 de julho
segunda
 
02 de julho
terça

 

O espetáculo "O tempo é só uma questão de cor" apresenta ao público contos, crônicas e fragmentos de textos diversos de Caio Fernando Abreu. As histórias e situações levadas para cena abordam temas como o amor, as dificuldades dos relacionamentos afetivos em suas diversas formas, a falta de comunicação entre as pessoas e a solidão do homem contemporâneo. Textos que traduzem com emoção, humor e reflexão o universo do escritor que foi e ainda é um dos autores mais apreciado e consumido, não só através de seus livros como também através de sites e blogs que habitam o mundo virtual, principalmente das novas gerações que "descobriram" a prosa, o pensamento e a crítica de Caio Fernando Abreu, com o qual se identificam totalmente.

A pesquisa, seleção dos textos e dramaturgia final foi realizada pelo diretor do espetáculo Antonio Gilberto, que com a parceria do ator Mauricio Silveira, mergulhou no universo de Caio trazendo para o público temas e situações de uma literatura viva, emocionante , instigante, atual, que nos convida a uma reflexão sobre a nossa existência nesses difíceis tempos que vivemos. Mas Caio nos lembra que o "tempo é só uma questão de cor" e que na vida, que precisa ser vivida, tudo passa...

Com este trabalho o diretor Antonio Gilberto dá continuidade a sua pesquisa trazendo novamente para a cena textos literários (sem adaptação teatral) que são apresentados ao público, através da atuação de um único ator, como narrativas (realizadas por um "narrador" ou por um "personagem") e também como dramatizações (de situações e conflitos criados pelos personagens). Os textos reunidos são de obras distintas e independentes, mas a partir da dramaturgia realizada, da concepção do espetáculo e da atuação de Maurício Silveira, podemos supor que formam uma única história. História que termina com um diálogo do ator/narrador/personagem com os espectadores.

FICHA TÉCNICA:

Textos: Caio Fernando Abreu
Direção e dramaturgia: Antonio Gilberto
Atuação: Mauricio Silveira
Cenografia e figurinos: Colmar Diniz
Iluminação: Aurélio de Simoni
Preparação Vocal: Rose Gonçalves
Preparação Corporal: Lovie Elizabeth
Trilha Sonora: Gabriel Fomm
Fotografias: Guga Melgar
Programação Visual: Guto Miranda
Produção: MS Produções Artísticas

Receba nossa NEWSLETTER
Midrash na WEB
Torne-se um AMIGO!
NOME:


EMAIL:



MIDRASH CENTRO CULTURAL

Rua General Venâncio Flores, 184
Leblon | Rio de Janeiro | RJ
55 (21) 2239-1800